Manual:$wgMaxShellMemory

From MediaWiki.org
Jump to navigation Jump to search
This page is a translated version of the page Manual:$wgMaxShellMemory and the translation is 86% complete.

Other languages:
Deutsch • ‎English • ‎dansk • ‎español • ‎français • ‎italiano • ‎polski • ‎português • ‎português do Brasil • ‎മലയാളം • ‎中文 • ‎日本語
Configurações diversas: $wgMaxShellMemory
Quantidade máxima de memória virtual disponível para processos de shell no Linux, em KB.
Introduzido na versão:1.7.0 (r14795)
Removido na versão:ainda em uso
Valores permitidos:integer
Valor padrão:102400 (versões anteriores à v1.22)
307200 (MW 1.22+[1])
Outras definições: Alfabético | Por função

Padrão

// Maximum amount of virtual memory available to shell processes under Linux, in KB.
$wgMaxShellMemory = 307200;
102400 KB = 100 MB, 307200 KB = 300 MB, etc.

Detalhes

No Linux, os comandos são executados com os limites de tempo e memória dados por $wgMaxShellTime e $wgMaxShellMemory. Definir qualquer variável para 0 irá desativar ambos os limites.

Se a geração de thumbnails com ImageMagick falha com uma mensagem de log de ​​erro do servidor web como "Memory allocation failed" ou "/bin/ulimit4.sh: Segmentation fault /usr/bin/convert ...", o valor de $wgMaxShellMemory talvez precise ser aumentado.

Se estiver usando Batik para renderizar gráficos SVG em alguns sistemas, este valor tem de ser aumentado para a extensão funcionar. (A frase "Could not create the Java virtual machine." pode aparecer no log de erros do Apache, se esse problema está ocorrendo.)

Ver também

  • $wgMaxShellFileSize - Tamanho máximo do arquivo criado por processos shell no Linux
  • $wgMaxShellTime - Subsídio máximo para processos do shell do Linux
  • $wgShellCgroup - Utilize cgroups em vez de ulimit -v para controlar o uso de memória, o que é mais confiável.